Samora Correia- Festas em Hª de Nª Srª da Oliveira & Nª Srª de Guadalupe 2017

Samora Correia- Festas em Hª de Nª Srª da Oliveira & Nª Srª de Guadalupe 2017
::::::::::::::::::: Clica na imagem para veres o programa :::::::::::::::::::

quinta-feira, 20 de julho de 2017

Festas do Porto Alto 2017 estão aí à porta...

Um desfile de fanfarras com cinco associações de Bombeiros é a novidade desta edição das Festas em Honra de Nossa Senhora de Guadalupe que decorrem de 21 a 25 de Julho no Porto Alto, concelho de Benavente. A proposta partiu da sociedade civil e foi bem aceite pelos Bombeiros Voluntários de Samora Correia que assumem o papel de anfitriões e pela organização da festa.
O touro bravo é a cabeça de cartaz no programa pagão que prevê nove largadas num recinto com mais de 1 ha (um campo de futebol) de emoção e aficion. São esperados alguns dos melhores recortadores nacionais. Jovens que toureiam touros em pontas e com mais de 400 kilos, apenas com o corpo sem capote nem proteções. "Esta é a verdadeira arte e a nossa tradição.", explica José Guilherme, campino e antigo recortador, hoje colaborador da organização.
É neste espaço em campo aberto, ali mesmo ao lado da EN 10, junto à rotunda de homenagem aos tapadeiros, que irão decorrer as provas de campinos e a picaria à vara larga na manhã de sábado com a participação de dezenas de campinos e cavaleiros amadores de várias casas agrícolas numa competição saudável.
No cartaz dos concertos para o palco principal estão anunciados David Antunes, Quim Barreiros, Sergio Rossi, The Pilinha, entre muitos outros artistas.
Arraiais populares, fado e folclore animam a tradicional noite da sardinha assada no sábado, 22 de julho.
E por incrível que pareça, todos os eventos são de acesso livre e gratuito. Até a sardinha, pão e vinho serão oferecidos aos visitantes como é tradição na noite de sábado. "A sardinha está muito cara, mas vamos continuar com esta tradição apelando às pessoas para comerem à vontade mas não levarem para casa", refere João Salema, coordenador da comissão de voluntários que trabalha há um ano para que tudo corra pelo melhor.
Em louvor a Nossa Senhora de Guadalupe haverá iniciativas religiosas todos os dias com realce para a Procissão em Honra da Padroeira que terá lugar na tarde de domingo. Este é o momento de devoção em que um silêncio profundo acompanha centenas de fiéis no cortejo pelas ruas do Porto Alto.
João Salema garante que o objectivo da organização é atingir o nível do ano passado que contou com cerca de 20 mil visitantes "Queremos manter as tradições, melhorando alguns aspectos. Acreditamos numa grande festa e contamos com o apoio de todos", conclui.
Fonte: Nelson Lopes

Sem comentários:

Enviar um comentário