quinta-feira, 26 de fevereiro de 2015

"Bloco de Esquerda" rejeita pagamento de seguro ao GFA de Santarém

O grupo do Bloco de Esquerda na Assembleia Municipal de Santarém vai levar à próxima reunião ordinária deste órgão, que se realiza na sexta-feira, 27 de fevereiro, uma moção de desacordo pelo pagamento do seguro de responsabilidade civil ao Grupo de Forcados Amadores de Santarém, que é suportado pela Câmara de Santarém.
 Na sequência do já vem fazendo há vários anos, a autarquia aprovou no início deste mês o pagamento da apólice anual do seguro dos forcados, no valor de 3.800 euros.
 Segundo se lê no documento que o BE vai introduzir à discussão, "não está em causa a quantia", nem está em causa "o centenário dos Forcados Amadores de Santarém, que pelo que se conhece atuam gratuitamente e que respeitamos", nem sequer se pretende questionar "a tradição" ou "o que cada pessoa pensa sobre o chamado espetáculo taurino".
 Para o Bloco, subsidiar esta atividade não faz parte das competências da Câmara Municipal, até porque se trata de uma atividade comercial privada, onde a participação de cada interveniente no espetáculo é da sua responsabilidade própria.
 A moção pretende que a Assembleia Municipal manifeste "o seu desacordo pelo financiamento público, direto ou indireto, da Câmara Municipal de Santarém às atividades taurinas e, em consequência, desacordo com o pagamento de seguros ao Grupo de Forcados Amadores de Santarém".
Fonte: Rede Regional

Sem comentários:

Enviar um comentário